Google Maps atualiza seu aplicativo para celulares e informará hora do desembarque

Google investe em tecnologia
para celulares. (Banco de Imagens)
A Google atualizou o sistema que utiliza o GPS de celulares para determinar a localização atual de um determinado trajeto. Com isso, através de um alerta na tela, um sinal sonoro e o vibracol, avisará ao usuário quando desembarcar.

Segundo a empresa, o recurso é ideal para pessoas que estão em outra cidade ou que possuem um idioma diferente do local onde estão. As cidades de Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro e São Paulo já estão com o recurso disponível.
Ler Mais

Exposição “Energia” está em cartaz no Sesc Itaquera

Em comemoração ao seu centenário, o
Theatro Municipal apresenta mais de 90 apresentações
 este ano. (Divulgação)
Em exposição desde o início do ano, a obra aborda os desafios para a construção do futuro por meio da energia, com o intuito de transmitir a importância e a compreensão dos fatores que determinam a relação energia/homem, além de apresentar conhecimentos de questões energéticas dos pontos de vista científico, histórico e humanitário.

A obra está em exposição às quartas, quintas, sextas, sábados e domingos, das 09h às 17h e vai até o dia 11 de setembro. A entrada é franca e as visitas podem ser agendadas pelo telefone (11) 2523-9200. O Sesc Itaquera está localizado na Avenida Espírito Santo Alves de Mattos, 1000, Itaquera.
Ler Mais

Theatro municipal apresenta Ópera Rigoletto

Em comemoracao ao seu centenario, o
Theatro Municipal apresenta mais de 90 apresentacoes
este ano. (Divulgação)
Rigoletto, obra de gênero clássico do século XIX, é de autoria de Giuseppe Verdi, que compôs óperas durante o período romântico italiano. Dividido em três atos, o espetáculo terá a direção cênica de Felipe Hirsch e Murilo Hauser. Segundo o maestro Abel Rocha, o intuito das apresentações é recuperar a excelência das temporadas líricas no palco do Theatro, além de retransmitir o balé no foco da programação.

Rigoletto tem estreia agendada para 12 de setembro, às 21h, permanecendo em cartaz até o dia 18 do mesmo mês. Os ingressos já estão à venda e custam R$15, sendo meia-entrada para estudantes e idosos. O Theatro Municipal está localizado na Praça Ramos de Azevedo, s/nº, Centro. Para mais informações, acesse o site www.prefeitura.sp.gov.br
Ler Mais

Espetáculo infanto-juvenil retrata o processo criativo de Tarsila do Amaral


Cena do espetáculo Vila Tarsila. O cenário e figurino
são produzidos por Marco Lima e inspirados nas
obras de Tarsila do Amaral. (Divulgação)

Estreia em 6 de agosto, no Espaço Cultural Vivo, o espetáculo de dança infanto-juvenil Vila Tarsila.

Com direção de Miriam Druwe e Cristiane Paoli Quito, a peça retrata de forma inusitada as memórias de infância de Tarsila do Amaral, convidando o público a conhecer as primeiras impressões e influências que marcaram o início de sua trajetória como artista.

O espetáculo ficará em cartaz aos sábados, às 16h e aos domingos, às 15h, até o dia 28 de agosto, na Avenida Dr. Chucri Zaidan, 860, Morumbi. A entrada é franca. Para obter maiores informações, entre em contato pelo telefone (11) 7420-1520 ou pelo e-mail: ciadruw@radarcultural.com.br.
Ler Mais

12º Festival Internacional de Linguagens Eletrônicas apresenta as novas tendências da arte moderna


A obra Nemo Observatorium, do artista belga Lawrence
Malstaf, simula um tufão. (Divulgação)

Até o dia 21 de agosto, acontece no espaço do Centro Cultural Fiesp - Ruth Cardoso, o 12º Festival Internacional de Linguagem Eletrônica (FILE).

Nesta edição do evento, a diversidade cultural digital foi o tema escolhido para ser abordado através de obras idealizadas por artistas nacionais e internacionais. Esculturas, músicas eletrônicas, games e maquinemas são algumas das atrações expostas ao público que deseja conhecer a arte sob uma ótica moderna e interativa.

As visitas podem ser feitas às segundas-feiras, das 11h às 20h; às terças-feiras e aos sábados das 10h às 20h e aos domingos das 10h às 19h. O Centro Cultural Fiesp - Ruth Cardoso está situado na Avenida Paulista, 1313. Entrada franca.
Ler Mais

Dormir em excesso aumenta risco de problemas no coração

De acordo com Pesquisadores da Fundação Espanhola do Coração (FEC), dormir nove horas ou mais por dia, aumenta em 1,57 o risco de sofrer uma doença cardiovascular.

O alerta foi dado devido às férias de verão na Espanha, em que as pessoas costumam dormir mais do que o necessário.

Segundo o cardiologista Lorenzo Silva Melchor, membro da FEC, dormir pouco ativa fatores metabólicos e endócrinos prejudiciais para a saúde e dormir mais do que o recomendado pode se relacionar com distúrbios e qualidade do sono, que condicionam alterações de parâmetros cardiovasculares.

O ideal para se ter uma boa noite de sono é dormir entre sete ou oito horas.

Ler Mais

Semana de Saúde e Bem-estar será promovida pelo Senac


(Divulgação)

A 3ª semana Senac de Saúde e Bem-estar será realizada em comemoração ao Dia Nacional da Saúde (5 de agosto) e tem como tema Fases da Vida. A programação do evento atinge mais de 20 unidades na capital e no interior do Estado.

O evento reunirá várias atividades, tais como palestras, mesas-redondas, oficinas, exibição de filmes, trabalhos de alunos e outras atividades voltadas à prevenção e à promoção da saúde, como sessões de massoterapia, podologia, quick-massage, entre outros.

Todas as atividades serão gratuitas e para conhecer a programação e participar basta acessar o link e se inscrever:


Semana de Saúde e Bem-estar 2011
De 8 a 13/8/2011
Participação gratuita
Em várias unidades do SENAC

Fonte: Senac Saúde e Bem-estar 
Ler Mais

Amamentação proporciona benefícios para a mãe e para o bebê

Pesquisas revelam que crianças amamentadas com leite materno evitam algumas doenças, assim como a mãe

Por Fabiola Ferreira 

(Banco de Imagens)
Ao ser amamentado com o leite materno, um bebê terá maior imunidade para evitar algumas doenças. Esse leite é ideal para os primeiros seis meses de vida, pois proporciona os nutrientes necessários e é de fácil digestão e absorção. Ele também contém anticorpos e glóbulos brancos, que protegem de infecções, evitando doenças como diarréia, distúrbios respiratórios, otites, infecções urinárias e até mesmo as dores de ouvido.

Especialistas também acreditam que o bebê amamentado conforme o recomendado terá menos chance de desenvolver diabetes, hipertensão e doenças cardiovasculares. Em mulheres que amamentam, ajuda no combate à osteoporose, além de proporcionar redução do sangramento após o parto e a probabilidade de ocorrerem certos tipos de câncer. Por isso, os pediatras e a Organização Mundial de Saúde (OMS) incentivam as mães a optarem pela amamentação. Ótimos motivos não faltam para que o leite materno seja um companheiro nos primeiros tempos de vida da criança.

É importante ressaltar que as mães que tiverem algum tipo de problema e não puderem amamentar, uma possível solução é o banco de leite, onde mulheres que produzem muito desse alimento fazem a doação do líquido. Lembrando que apenas é possível fazer a doação mulheres não portadoras de doenças crônicas, que não fazem uso de nenhum tipo de medicamento, não são fumantes e não ingerem bebidas alcoólicas.

Segundo a OMS, é muito importante essa doação, já que não gera nenhum problema para a mãe doadora ou para o bebê e não reduz a produção de leite, ao contrário, quanto mais a mulher amamenta, mais as glândulas mamárias são estimuladas a produzir leite. Renata Silva se satisfaz com o trabalho e diz: “acho que o banco de leite tem sido fundamental nessa batalha. É um trabalho bonito. Tive dificuldades no começo para amamentar meu filhote, mas agora estou o amamentando como nunca”, afirmou a mãe.

Existem aproximadamente 180 unidades de Banco de leite em todos os estados brasileiros. Para consultar se há um perto de sua casa, entre no endereço eletrônico www.redeblh.fiocruz.br.

São Paulo é o Estado que tem o maior número de bancos de leite humano, com quase 50 centros especializados.

Fonte: Secretaria de Saúde
Fonte: Organização Mundial de Saúde
Ler Mais

Anvisa veta denominação “ração humana”

(Divulgação)
Os fabricantes do suplemento alimentar feito de cereais e grãos, conhecido como ração humana, não poderão mais usar esse termo em suas embalagens. Além dessa proibição, eles terão que pedir registro de fabricação na Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para se adequarem às novas normas.
A expressão foi proibida porque segundo a Anvisa, esta denominação não indica a verdadeira natureza e características do alimento, o que leva aos consumidores pensarem que uma porção pode substituir a refeição. Essa falsa ilusão traz riscos à saúde, pois esses produtos não têm todos os nutrientes que o organismo necessita.
A Ração Humana ainda é vendida em supermercados e empórios, porém, já com outros nomes, como: “mix nutritivo”, “nutrição humana” e “superfarinha”.

Fonte: MDEMULHER
Ler Mais

Estudo gera um alerta e revela risco de extinção do atum


Atum: o peixe utilizado na produção de
sushis e sashimis pode desaparecer. (Banco de imagens)

O atum é um dos peixes mais requisitados pelo mercado, principalmente na Ásia e no Japão. Estudo publicado pelo jornal Science, revela que mais da metade das espécies de atuns estão ameaçadas e podem desaparecer. Cerca de cinco delas estão em situação grave e três correm o risco de extinção total. O relatório foi apresentado pela União Internacional para a Conservação da Natureza também com a finalidade de chamar a atenção para a preservação do meio ambiente.
Ler Mais

Casa planejada em blocos acomodará 52 árvores


Casa “Entre Árboles” foi planejada e construída
entre 52 árvores. (Banco de imagens)
O arquiteto Javier Muñoz Menéndez precisou realizar uma vasta pesquisa sobre a localização e o tamanho de cada tronco de árvore, antes de planejar a residência “Entre Árboles”, localizada em Yucatán, México. O terreno, de aproximadamente 1.700 m², possui 52 espécies, com altura e diâmetro diversos. O principal objetivo do arquiteto é: “respeitar a natureza local, sem cortar nenhuma árvore”, afirmou.
Ler Mais

Ferroviários Rock and roll

                        The Doorments Railroad Rock Band une profissão rock and roll com paixão ferroviária (ou vice-versa)




Por Ítalo Silva

"The Doorments Railroad Rock Band" se formou dentro da CPTM. (Por Ítalo Silva)
Para comemorar o dia 13 de Julho, Dia Mundial do Rock, a CPTM promoveu o festival "Rock nos Trilhos" e, dentre diversas atrações, trouxe uma banda composta por rockeiros de carteirinha e ferroviários de paixão que já tocaram há quatro edições no festival. A história da banda se iniciou em 2000, quando Beto Rockberto encontrou Viana e sugeriu montar a bandar para animar as confraternizações de final de ano da oficina de de manutenção de trens de Presidente Altino: "A brincadeira começou assim. Eu trabalhava na manutenção dos rádios e ele na preventiva dos trens. Viana ou Beto me conhecia de outra banda do antigo Clube CRECI em Presidente Altino e deu a ideia de fazermos uma festa rock and roll no final do ano. Juntaríamos alguns amigos, guitarristas, mas não sei quem aí. Você toca baixo, guitarra etc. O que vier tocando, a gente manda a ver", disse Viana ou Beto.

"Surgiu num bate-papo mesmo, no final de ano era sempre um sambinha, um marasmo, e no final esta ideia deu certo e a galera gostou", declarou Viana.
Para eles, o primeiro show começou desorganizado; todos subiam, tocavam os instrumentos, faziam os sons sem qualquer ensaio. Até que no ano seguinte, resolveram se organizar. "No ano seguinte, criamos um repertório com 20 músicas e ensaiamos e o resto foi com o tempo. A gente foi melhorando. Melhorando não, foi ficando menos pior", acredita Rockberto.

A banda chegou a contar com até nove membros em sua primeira formação. Hoje, é formada por Ailton Rocktrin (vocal); Beto Rockberto (guitarra); Carlos Kalão (vocal); Enio, o Gênio (sax e teclado); Pedrão Pedrock (vocal e violão); Rodrigo Batata (contrabaixo) e Viana Drummer (bateria).

Todos os anos, junto a outros talentos de estilos variados dentro da companhia, os músicos passaram a ser aguardados para tocar nas festas de confraternização da empresa. Um dia, o talento da banda saiu dos portões da CPTM e rumou para outros palcos. E isso aconteceu em 2005, conta Viana: "Estúdio 5, em 2005, na cidade de Osasco, era a reinauguração da casa. O que parecia assustar, foi tranquilo. Naquele dia, se apresentaram outras duas bandas e a gente viu que dava pra encarar. Ficamos numa expectativa danada, e apesar da ansiedade, ninguém tremeu, saiu tudo certo, aí passamos a aceitar outros convites", comenta Rockberto.
"The Doorments tocando no festival Rock nos Trilhos". (Por ítalo Silva)
Já no Rock nos Trilhos, a banda se sente a prata da casa e confessa adorar tocar aqui: "A gente está tocando pela quarta vez. É legal, a gente adora tocar, o ano passado foi uma coisa feia, a gente se convidou. O Carlos estava trabalhando aqui no CCO (Centro de Controle Operacional) encontrou o pessoal da organização e eles disseram:  Vem na quinta, só tem uma banda, então vocês fecham o evento. A banda mencionada ainda não veio, ou seja, fechamos o evento e se não viéssemos, não haveria nenhum show". O The Doorments toca no próximo dia 15 no Grill Talismã e cia. na avenida Hildebrando de Lima, 389, em Osasco.

                   Serviço

No dia 13/07 tem mais Rock nos Trilhos com Balls e TeleRock's, a partir das 18h e no dia 14/07, o festival termina com Bico do Corvo e Bangs, no Espaço Cultural CPTM dentro da estação Brás.
Ler Mais

Jornal Britânico “News of The World” é fechado, após envolvimento em escândalo de escutas ilegais


Foram disponibilizados 5 milhões de
exemplares para o “último adeus”
ao jornal britânico. (Banco de imagens)

O jornal mais vendido semanalmente na Grã-Bretanha e conhecido mundialmente por suas manchetes sensacionalistas, chegou às ruas pela última vez neste domingo (10). O jornal teve seu fim declarado após envolvimento em um escândalo de escutas ilegais, que causou repercussão em todo o mundo. Em sua última edição, chegou às bancas cerca de cinco milhões de exemplares, o dobro da tiragem ao longo dos seus 168 anos de existência.
O Sindicato dos Jornalistas Britânicos é contra o fechamento do jornal e alega que a medida é um “oportunismo cínico” que prejudicará somente jornalistas profissionais e freelancers, poupando os altos executivos. O jornal possui uma equipe com cerca de 200 profissionais, que provavelmente perderão o emprego.
Ler Mais

Aeroporto argentino inaugura novo terminal de embarque

Terminal de embarque Argentino
será um dos mais modernos d
o mundo. (Banco de imagens)
No último sábado (9), o aeroporto internacional de Ezeiza, principal aeroporto argentino, inaugurou um novo terminal de passageiros. Com um investimento de US$ 144,5 milhões, o novo terminal se transformará em um dos aeroportos mais modernos do mundo, segundo o presidente de Aeropuertos Argentina 2000, Ernesto Gutiérrez. O terminal começará a ser utilizado na próxima quinta-feira (14) e será de uso exclusivo da companhia Aerolíneas Argentinas, linha aérea argentina sob gestão estatal.
Ler Mais

Revista americana divulga lista das 500 maiores empresas do mundo


Sete empresas brasileiras aparecem no ranking 
das melhores do mundo, segundo 
a revista Fortune. (Banco de imagens)

Nesta quinta-feira (7), a revista americana Fortune divulgou o ranking anual "Global 500", onde classifica as 500 maiores empresas do mundo. O Brasil aparece na lista com sete empresas. A Petrobras foi a melhor classificada, na 34º posição. As outras brasileiras que também emplacaram foram: Banco do Brasil, 117ª posição; Bradesco, 156ª posição; Vale, 186ª posição; JBS, 306ª posição; Itaú S.A.Investimentos, 359ª posição e Ultrapar, 399ª posição.

E pela oitava vez, a cadeia de supermercados Wal-Mart foi avaliada como a maior empresa do mundo. Os Estados Unidos domina o ranking com 133 empresas, seguido do Japão, com 68 e da China, com 61.
Ler Mais

Google Maps atualiza seu aplicativo para celulares e informará hora do desembarque


Google investe em tecnologia para
celulares. (Banco de Imagens)

A Google atualizou o sistema que utiliza o GPS de celulares para determinar a localização atual de um determinado trajeto. Com isso, através de um alerta na tela, um sinal sonoro e o vibracall, avisará ao usuário quando desembarcar.
                                                   
Segundo a empresa, o recurso é ideal para pessoas que estão em outra cidade ou que possuem um idioma diferente do local onde estão. As cidades de Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro e São Paulo já estão com o recurso disponível.
Ler Mais

Bebê internado com pneumonia tem dedo amputado em Guarulhos

Por Mariana Barbosa

Carlos Derman, secretário de saúde de Guarulhos. (Divulgação)
Menos de 50 dias após o escândalo envolvendo a morte de 13 bebês no Hospital Municipal da Criança de Guarulhos, uma criança de dois meses foi internada no estabelecimento para tratar de uma pneumonia e precisou ter parte de um dedo do pé amputado.

Durante o tratamento, o bebê recebia medicação intravenosa que causou machucados em um de seus dedos do pé direito, mas que não foram considerados um risco. Conforme a piora do quadro clínico do paciente, a criança foi transferida para um hospital em Francisco Morato , onde curou-se da pneumonia.
Após alguns dias, vendo que os ferimentos do pé do bebê pioravam, os pais voltaram a levá-lo ao Hospital da Criança e os médicos decidiram amputar parte de seu dedo.

Por meio de nota, a Secretaria de Saúde da cidade informou que o tratamento destinado à criança foi correto e que as causas que levaram à amputação estão sendo investigadas, o prazo para o término da sindicância é de dez dias.
Ler Mais

Guarulhos receberá unidade do SESC até 2015


Rua Guilherme Lino, na Vila Fátima, onde será
construído o Sesc Guarulhos. 
Até o início de 2012, os detalhes técnicos do projeto da unidade Guarulhos do SESC (Serviço Social do Comércio) estarão finalizados, e então a empreiteira responsável pelas obras será contratada. Segundo a diretoria regional do SESC-SP, já há algum tempo a instituição almejava construir uma unidade na cidade.

De acordo com o pré-projeto, o SESC Guarulhos contará com 30 mil m² de conjunto poliesportivo coberto (com quadras de futebol, basquete e tênis), piscina semi-olímpica coberta, pista de atletismo, áreas de lazer, teatro, espaço para exposições, praça de alimentação, telecentro com acesso à internet, consultórios odontológicos e estacionamento.

Além disso, Guarulhos será a primeira unidade do SESC com a certificação internacional LEED (Leadership in Energy and Environmental Design), concedido a edifícios verdes e que garantem a sustentabilidade e eficiência no uso de água e energia, além de qualidade ambiental em seu interior.

A inauguração do Sesc Guarulhos está prevista para o ano de 2015.
Ler Mais

Câmara aprova aumento salarial do prefeito, vice-prefeita e secretários

Por Adriano Alves

Na última segunda-feira, a Câmara Municipal de São Paulo aprovou o aumento salarial do prefeito Gilberto Kassab, da vice-prefeita Alda Marco Antônio e dos respectivos secretários. Com 40 votos a favor e 14 contra, o salário do prefeito vai de R$20.042,33 para R$24.117,62, começando a vigorar em janeiro de 2012. Os salários da vice-prefeita e dos secretários tiveram um aumento muito maior: de R$10.021,16 para R$21.705,86 e R$6.000 para R$19.294,10, respectivamente.

Para entrar em vigor, o projeto precisa ser sancionado pelo próprio prefeito. Se virar lei, o prefeito, a vice-prefeita e os secretários poderão receber o 13º salário. Em recentes declarações, Kassab diz defender o reajuste, mas diz que abrirá mão do mesmo, doando-o para o Hospital do Câncer. Já a vice-prefeita, diz que não abrirá mão do seu novo salário.

Votaram contra o projeto os vereadores Adilson Amadeu (PT), Alfredinho (PT), Arselino Tatto (PT), Aurélio Miguel (PT), Carlos Neder (PT), Chico Macena (PT), Cláudio Fonseca (PPS), Antonio Donato (PT), Eliseu Gabriel (PT)Francisco Chagas (PT)Ítalo Cardoso (PT), José Ferreira Zelão (PT), Juliana Cardoso (PT) e Senival Moura (PT).

Votaram a favor do projeto os vereadores Abou Anni (PV), Antonio carlos Rodrigues (PR), Adolfo Quintas (PSDB), Agnaldo Timóteo (PR), Atílio Francisco (PRB), Atila Russomanno (PP), Aurélio Nomura (PV), Carlos Apolinário (DEM), Celso Jatene (PTB), Claudinho de Souza (PSDB), Claudio Prado (PDT), Dalton Silvano (sem partido), David Soares (PSC), Domingos Dissei (DEM), Edir Sales (DEM), Everson Oliveira (PSDB), Gilson Barreto (PSDB), Antonio Goulart (PMDB), Jamil Murad (PCdoB), José Police Neto (Sem partido), José Rolim (PSDB), Juscelino Gadelha (sem partido), Marco Aurélio Cunha (Dem), Marta Costa (Dem), Milton Ferreira (PPS), Milton Leite (Dem), Gilberto Natalini (sem partido), Netinho de Paula (PCdoB), Noemi Nonato (PSB), Paulo Frange (PTB), Quito Formiga (PR), Roberto Tripoli (PV), Salomão Pereira (PSDB), Sandra Tadeu (DEM), Souza Santos (Sem partido), Tião Farias (PSDB), Toninho Paiva (PR), Ushitaro Kamia (Dem), Victor Kobayashi (PSDB) e Wadih Mutran (PP).

Fonte: G1
Ler Mais

Município combate entulho

              Prefeitura e população se unem na fiscalização de um problema recorrente em São Paulo

Por Marco Antonio Oliveira



A frequência nos Ecopontos cresce consideravelmente.

Na cidade de São Paulo, a legislação vigente proíbe o depósito de entulho em vias e logradouros públicos e aconselha que cada imóvel encaminhe no máximo 50 quilos de entulho por dia para recolhimento da Prefeitura, por meio da coleta domiciliar convencional. Para auxiliar a população, a prefeitura criou os Ecopontos, lugares de depósito do entulho. Atualmente, há 37 Ecopontos na capital.

No Ecoponto pode ser depositado entulho de até 1 metro cúbico, o que corresponde a uma caixa d’água de mil litros ou 25% de uma caçamba. Também são aceitos resíduos da construção civil (cimento, tijolos, restos de azulejo e madeira), móveis velhos, sobras de poda de árvore e outros materiais volumosos. Esta quantidade deve ser obedecida por dia e por endereço. A pessoa interessada em depositar entulho faz um cadastro com dados como: nome, endereço e telefone.

Os materiais são separados para receber, posteriormente, um destino correto e sustentável. Concreto, argamassa e alvenaria são encaminhados ao aterro de inertes; os recicláveis são encaminhados para centrais de triagem afim de obter  comercialização e o material sem possibilidade de reaproveitamento é levado para aterros sanitários, como o de Itaquaquecetuba. O Ecoponto não aceita lâmpadas fluorescentes, pilhas, baterias, gesso e telhas de amianto.
População se queixa do baixo número 
de Ecopontos em São Paulo.


O funcionário do Ecoponto da Vila Guilherme, Rodrigo Barbosa explica que como esse ponto é o único na zona norte, uma grande quantidade de entulho é recebida por dia. “A prefeitura faz a coleta aqui diariamente e vem gente de outros bairros como Guarulhos e Itaim Paulista”. Barbosa conta que houve pessoas que chegaram ao local com uma pilha de pneus, mas não puderam depositar no Ecoponto. A regra para os pneus é a seguinte: diariamente cada indivíduo pode depositar 20 pneus de carros e oito pneus de caminhões.

O vigilante Domingos Moraes trabalha neste Ecoponto há dois anos e conta situações em que pessoas queriam deixar uma quantidade de entulho maior do que era permitido. Alguns cidadãos tentam deixar coisas inesperadas como galões de ácido ou animais mortos. “Eles chegam a nos xingar e dizem que nós não queremos trabalhar. Mas estamos cumprimos ordens”, explica.

Operação Cata Bagulho também é alternativa
para descarte de entulho.
Há duas quadras do depósito havia entulho abandonado e nossa equipe de reportagem questionou o fato. “Eu acho que é uma questão de educação do povo. Eles sabem que tem um local para o entulho e mesmo assim jogam na rua”, justifica Moraes. Há placas próximas aos Ecopontos que informam a proibição do entulho, sujeito à multa de R$500,00. Mas em alguns lugares, o espaço ainda não é respeitado.

Para resolver esse impasse, a prefeitura promove uma vez por mês a operação Cata Bagulho. As equipes passam nos bairros e recolhem materiais como móveis velhos, eletrodomésticos quebrados, madeiras, pneus e utensílios domésticos. O departamento responsável pela limpeza urbana (Limpurb) juntamente com a prefeitura fazem ações pela cidade, procuram caçambas irregulares e atendem denúncias; para tentar combater o excesso de entulho. Para mais informações,consulte o site da prefeitura (www.prefeitura.sp.gov.br).

A frequência nos Ecopontos cresce consideravelmente.
Operação Cata Bagulho também é alternativa para descarte de entulho.
Ler Mais

Jovens abrem as cortinas e o espetáculo começa

Projeto mostra que periferia é capaz de produzir cultura

Por Marco Oliveira

Exibição das aulas de Jazz. (Por Tatiana de Campos)
Arte e cultura nos bairros; não estamos falando somente de peças de teatro, shows e entretenimento, mas de ações culturais capazes de trazer mobilização social. Essa é a proposta do Projeto Periferia Invisível, criado em novembro de 2008, no bairro Vila Cisper, na Zona Leste de São Paulo. A ideia partiu de três amigos que tinham um objetivo em comum: fazer com que os moradores das periferias produzissem e consumissem arte.

Bruno Veloso, estudante de Gestão em Políticas Públicas na USP é o coordenador geral do Periferia Invisível e iniciou o projeto após o trabalho de conclusão de curso de Gestão Cultural no Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo. “Eu percebi que o projeto tinha muito potencial e mesmo depois de terminar o meu curso continuei ajudando e hoje coordeno as oficinas”, explica Veloso.

O grupo interage no ritmo do jazz (por Tatiana de Campos)
Bruno Veloso conta que a ideia inicial era montar algo que não tivesse caráter assistencialista. “Primeiro porque existem grupos que fazem um projeto, oferecem à comunidade e depois de um período vão embora. A ideia não é tirar ninguém das drogas, é mostrar que existem pessoas na comunidade que têm capacidade de produzir arte com qualidade”, conclui Veloso.

Ao lado de amigos, Veloso levou cerca de um ano para estruturar o projeto e hoje, o Periferia Invisível é uma associação, possui CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica), conta com 16 colaboradores e promove várias oficinas, tais como: circo, dança, teatro, música e gestão cultural.

Há um período de inscrição para a formação dos grupos. Os cursos são divididos em três módulos e têm duração de um ano, cada um. No final de cada módulo, no mês de novembro, é apresentada mostra de todas as oficinas e há uma prova de aptidão para que o aluno seja admitido no próximo módulo. No final dos módulos, as turmas produzem seus próximos espetáculos sozinhos.

Bruno e Yara, colaboradores do 
Periferia Invisível (por Tatiana de Campos)
Após um tempo, Veloso contemplou as oficinas e percebeu que faltava incentivo para fazê-las. As pessoas não permaneciam por muito tempo, por isso montou-se uma grade de atividades com tempo de duração pré-determinado. O Periferia, como o projeto é chamado, já conta com uma média de 50 participantes. Os ensaios ocorrem durante a semana e as oficinas são realizadas aos sábados e domingos. O espaço é aberto para outros grupos culturais que queiram utilizar o espaço.

A Associação não tem patrocínio, contudo um dos fundadores do projeto tem uma empresa de calçados que mantém o site. Nos eventos, é cobrado o ingresso consciente, no qual cada um contribui com o que pode. Além disso, eles arrecadam fundos com a venda de camisetas e alimentos. Cinquenta por cento da renda da bilheteria vai para o Periferia Invisível, vinte por cento para os artistas e trinta por cento para cobrir as despesas do local.

A divulgação é feita pelo site, por e-mail e por mecanismos impressos de divulgação, tais como cartazes e flyers. Os espetáculos são apresentados no próprio espaço das oficinas e alguns são levados para escolas e faculdades. Bruno Veloso lembra ter promovido sarau na USP Leste com os alunos do Periferia Invisível.

Yara de Andrade Savóia é professora da oficina de dança desde março deste ano, fez Jazz por seis anos e mora no Ipiranga. Resolveu participar do Periferia Invisível depois do seu trabalho de conclusão de curso, hoje ministra aulas para 15 jovens.

Ela conta que 15 pessoas se inscreveram para o curso e no primeiro dia de aula ninguém apareceu: “Mas vieram 10 pessoas que não haviam se inscrito e estão nas aulas até hoje”. Ela se surpreendeu com a receptividade dos alunos e com o empenho deles. “Fiquei apreensiva por que teria quatro alunos homens. Mas fiquei feliz que eles também se empenham bastante em mostrar um bom trabalho”, conclui Yara. Para a apresentação do final do ano, ela pretende organizar um espetáculo de dança junto com a oficina de circo. Os ensaios começarão a partir de agosto.
As oficinas acontecem todos os sábados 
e domingos (por Tatiana de Campos)

Victor Hugo é um dos alunos de Yara e participa há um ano das oficinas de teatro, circo, música e gestão cultural. “Tinha certo preconceito, pois achava que as oficinas no centro eram melhores que as de bairro. Hoje, gosto das oficinas do Periferia pois eles oferecem algo de qualidade, sem precisarmos se locomover tanto”, diz Hugo.

Bruno Veloso assegura que o mais gratificante é receber nos eventos mais pessoas do que o esperado. “Houve eventos que esperávamos 20 pessoas e vieram 40. Isso é um sinal de que estamos conquistando o público”. Para Veloso, o grande sonho dos idealizadores do Periferia Invisível é trabalhar e viver só do projeto.

Todas as oficinas são gratuitas e só colabora quem quer. Para saber mais informações sobre o projeto, acesse o site: www.periferiainvisivel.com.br.

Periferia Invisível
Rua: Barra de Santa Rosa n°440 - Vila Cisper


Ler Mais

Leite quente, agasalho e esporte!

Super Férias no Clube Escola reúne  crianças e adolescentes ( Divulgação)
Com o início das férias a vontade de praticar esportes é grande por crianças e adolescentes, pensando nisso a Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Recreação (Seme), realizará uma temporada de Inverno do Super Férias no Clube Escolas 2011. O evento vai de 12 a 24 de julho.
São atividades de esporte e lazer para a comunidade, em especial o público entre cinco e 16 anos.
As atividades ocorrerão de terça a domingo, das 9h às 12h e 13h às 16h.
Para participar deve-se fazer a carteirinha de sócio dos Clubes Escolas e da Comunidade, isso na própria secretária do clube, gratuito, é necessário duas fotos 3X4; RG ou certidão de nascimento e comprovante de endereço.
Para mais informações acesse o site:
Ler Mais

O Intervalo - Segunda Parte

Ler Mais

O Intervalo - Primeira Parte

Ler Mais

Ginásio do Ibirapuera aguarda estreia da Copa Diário de Futsal

Reinaugurado no Ibirapuera, o Ginásio Geraldo José de Almeida já apresenta estrutura necessária para a competição intercolegial e a abertura da Copa Diário de Futsal. Divulgada nesta quarta-feira no site organizado pelo Diário de São Paulo e pela Secretaria Municipal de Esportes, Benjamin Ribeiro da Silva, presidente do Sieeesp (Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Estado de São Paulo) relata que a prática esportiva está ligada a educação. As inscrições começam no último dia 23 de maio e a abertura é no dia 4 de setembro. As fichas deverão ser retiradas na Associação Cuebla. 

Dúvidas ou informações, ligue para o telefone: (011) 3673-3360 ou o site: http://files.diariosp.com.br/copafutsal/
Ler Mais
 
RADAR JORNALÍSTICO | by TNB ©2011