Próximo das Olimpíadas, Diego Hypólito para por um mês após cirurgia


Mesmo após cirurgia,
Diego Hypólito
está confirmado para as
Olimpíadas (Banco de Imagens)

Faltando pouco mais de quatro meses para o início dos Jogos Olímpicos de Londres, o ginasta Diego Hypólito foi submetido a uma cirurgia no joelho direito, realizada no hospital Samaritano, em São Paulo, no último dia 16. A operação se fez necessária para evitar que o atleta tenha uma lesão de grau mais grave, já que houve a constatação do problema ainda em fase inicial. Diego não terá problemas para participar dos jogos e é grande esperança de conquista de medalhas para o Brasil.







Fontes: Gazeta Esportiva, R7, Terra.

Ler Mais

Cidade Tiradentes é tema do documentário “Lá do Leste”


Cidade Tiradentes é tema de documentário
sobre ações sociais ( Banco de Imagens)

A Cidade Tiradentes, bairro da Zona Leste de São Paulo, é considerado o maior complexo de conjuntos habitacionais da América Latina. Foi o lugar que as diretoras Carolina Caffé e Rose Satiko escolheram para retratar em seu documentário, exibindo os eventos liderados pelos moradores da região. O documentário “Lá do Leste” mostra a periferia contada por quem vive nela, apresentando as transformações da dança de rua, do rap e do grafite na comunidade. O curta foi destaque no festival ‘Zona Leste em Movimento’.

Fontes: Catraca Livre, Spresso SP, Fest Cine SP Leste. 
Ler Mais

Famílias de baixa renda também podem investir


Pensando mais sobre o futuro e na proteção da família é possível aplicar o dinheiro, sem medo e com segurança

Por Daniele Motta e Vitor Silveira


A poupança é o plano 
de investimento que mais 
se adapta à realidade 
hoje (Déborah Aranhos)
Em época de economia instável, as dúvidas sobre a forma de guardar e aplicar renda são comuns entre os brasileiros. Entre mitos e falta de instrução financeira, é necessário quebrar preconceitos e aprender sobre o assunto.

Investir ou ter dinheiro guardado significa segurança. “Investir é pensar no futuro, ter independência financeira, realizar um sonho. Se você tem dinheiro, tem também a possibilidade de escolha de desconto, forma de pagamento, prazo”, defende Renata
Thomé Gaeta Moliterno, 31, analista de negócios em um banco privado.

Cássia Mebius diz:
“Investimentos são
 acessíveis a todas
 as classes”
 (Déborah Aranhos)
Muitos ainda acreditam que apenas quem tem muito dinheiro pode investir, mas qualquer um pode investir. “Aliás, seria recomendável. Porém, geralmente, as pessoas não têm disciplina para guardar os valores para posteriormente comprar e realizar seus desejos por serem muito imediatistas”, complementa Renata.

O maior problema sobre investimentos atualmente é o medo que a pessoa tem de investir este dinheiro. Cássia Mebius, 33, assessora de investimentos da Geração Futuro, explicou que o melhor a fazer é buscar informações sobre o assunto. “Tem que se informar, conversar com corretores de investimentos e participar de palestras que são feitas quinzenalmente, para aproximar o investidor em relação ao investimento. O investidor deve procurar informações e não pedir ajuda a amigos”, afirma Cássia.

Para Victor Moreno, 21, estudante e publicitário freelancer, a maior dificuldade de investir  é conciliar suas contas. “Já participei de um plano de investimento, mas como pago sozinho a faculdade, tive que parar. O dinheiro que eu investia era exatamente o que faltava para completar o valor da mensalidade”, avalia Moreno.

Confira aqui a tabela com a explicação do que são, como funcionam, a duração, quais os riscos e qual o valor mínimo de cada plano.

Serviço:

Para verificar qual a melhor alternativa de investimento, o site do Banco do Brasil (BB) disponibiliza um simulador: http://www37.bb.com.br/portalbb/OrientadoInvestidor/Inicio,2,8489,8489,6.bbx 
Ler Mais

MEC cria prova para medir alfabetização de crianças


Provinha Brasil irá avaliar
 a alfabetização no país
(Banco de Imagens)

O MEC (Ministério da Educação)  criou mais uma prova com o objetivo de avaliar o aprendizado de crianças de 7 a 8 anos de idade. A avaliação, que é uma nova versão da “Provinha Brasil”, será aplicada para estudantes do 2º ano do ensino fundamental e deverá começar a partir do ano que vem. No Brasil, 15,2% das crianças terminam o período de alfabetização sem ao menos saber ler ou escrever.









Fontes: Estadão, Revista Exame, Novo Tempo. 
Ler Mais

Com promessa de novo parque, Playcenter anuncia fim


Parque é uma das principais
atrações de São Paulo
(Banco de Imagens)

O parque de diversões Playcenter, localizado na zona oeste de São Paulo, anuncia que vai encerrar suas atividades no dia 29 de julho. Em nota, o parque destaca que o novo estabelecimento deverá ser inaugurado a partir de julho de 2013 e terá novo conceito. Ao todo, deverão ser investidos R$ 40 milhões entre pesquisas e projetos. A nota ainda revela que o parque deverá ter mais verde, conteúdo temático, educacional e interativo, seguindo o padrão dos parques estrangeiros.



Fontes: Folha, Estadão, Primeira Edição.
Ler Mais

Associações comunitárias ganham força e interferem na política regional


Organizadas pelos próprios moradores, elas têm projetos de auxíio e trazem melhoria para os bairros.

Por Aline Romero, Daniela Simião e Mariana Anastácio


Moradores de rua recebem
 alimentação fornecida pelo
GEA todos os sábados
 (Daniela Gomes)
Fundada na década de 80, a associação de moradores Sociedade Amigos do Jd. Lapenna, em São Miguel, oferece diversos serviços comunitários aos moradores do bairro. “As conquistas mais recentes são a construção de duas novas creches e uma EMEI, além de uma unidade de saúde básica”, conta José Nário Pereira, presidente da associação.  “Hoje os moradores se orgulham do Lapenna”, diz ele. A Sociedade é apenas uma das muitas associações espalhadas pelos bairros da cidade.

O Grupo Esperança e Amor, na Vila Curuçá, foi criado em 1999 e distribui semanalmente 150 marmitex A moradores de rua. “Também confeccionamos fraldas geriátricas e distribuímos cestas básicas para as famílias cadastradas”, afirma Izabel Andrade, 67, voluntária desde 2003. O grupo organiza eventos beneficentes e aceita doações de todo tipo. “Tudo o que chega é revertido em ajuda ao próximo”, garante.

Waldir Santos, coordenador
da Fundacam. 'Faltam
pessoas dispostas a
 aumentar o alcance
da fundação' (Aline Romero)
Waldir Santos, 54, é coordenador da Fundação Nacional de Cultura Negra e Miscigenação Brasileira (Fundacam). A Fundação hoje atua em situação precária, resultado de más administrações anteriores. “Nossos principais projetos são a moradia popular e a capoeira, mas foi a associação quem criou o primeiro pronto-socorro e maternidade de Guaianases”, conta ele. A Fundacam atualmente funciona como uma rede de contatos e parcerias, mas faltam voluntários. “Poucas pessoas estão dispostas a aumentar o alcance da fundação”, lamenta.

Pensando nos principais desafios enfrentados pela Zona Leste, várias associações comunitárias da região traçaram juntas o Plano de Metas 2013-2016. Uma reunião, prevista para agosto, apresentará esse plano aos candidatos à prefeitura de São Paulo em 2012. O evento será aberto ao público. Para mais informações, envie um e-mail para vozdacomunidade@uol.com.br .


Ler Mais

Exigência de cheque calção por hospitais pode se tornar crime


Hospitais sofrerão punições
caso cobrem antes do atendimento
(Banco de Imagens)

O projeto de lei criado pelo Ministério da Saúde e da Justiça prevê  punições, que ainda estão sob avaliação, aos hospitais particulares que exigirem cheques calção ou notas promissórias antes do atendimento. Outra medida que o projeto anuncia é a fiscalização de laboratórios e clínicas médicas por parte da ANS (Agencia Nacional de Saúde), que atualmente só regula as operadoras dos planos. O projeto aguarda aprovação dos deputados para depois seguir para o Senado.


Fontes: Estadão, G1, Terra.

Ler Mais

Mercado publicitário brasileiro teve crescimento de 8,5% em 2011


Mercado publicitário brasileiro
cresce 8,5%, segundo
 Inter-Meios (Banco de Imagens)

De janeiro a novembro de 2011, segundo levantamento do Projeto Inter-Meios, o mercado publicitário brasileiro cresceu 8,5%, cerca de R$39,03 bilhões movimentados. O faturamento dos veículos de comunicação foi de R$25,6 bilhões. Só a TV aberta arrecadou R$16,2 bilhões, isso representa um crescimento de 8,8%. A internet é a que mais cresce em faturamento publicitário, ela teve uma expansão de 21,6%, faturando R$1,29 bilhão. O Inter-Meios é coordenado pelo Meio & Mensagem em parceria com a Pricewaterhousecoopers.


Fontes: O Globo, Estadão, Coletiva.
Ler Mais

Sesc Interlagos promove exposição subaquática

Sesc leva música as suas
 piscinas do músico
Wilson Sukorski (Banco de Imagens)
Foi aberta no último dia primeiro uma exposição subaquática no Sesc Interlagos. A exposição permite que os visitantes ouçam elementos sonoros em baixo d’agua em aparelhos como hidrofalantes e hidrofones.  O projeto é do músico Wilson Sukorski, e vai até o dia 31 de março. Para entrar na piscina é obrigatório fazer o exame dermatológico e usar trajes de banho. Os ingressos custam de R$ 1,00 a R$ 7,00 e podem ser adquiridos em qualquer unidade do Sesc.








Fontes: BOL, Folha de SP, Antena 1.
Ler Mais

Educadores preocupam-se com agressões dentro da sala de aula


Profissionais da área da educação apontam a propagação de ataques violentos entre adolescentes

Por Henrique Santiago

Colégio recebe ocorrências
 de violência psicológica
(Samantha Henzel)
A violência tem sido tratada com veemência nas escolas do país. Não é novidade presenciar casos extremos em instituições de ensino residentes no território nacional em que aluno agride colega de sala ou até mesmo ataca o professor.

O fato de não atingir o ineditismo na sociedade faz com que a violência escolar mostre-se presente na vida de profissionais da educação. De acordo com Ruth Augusto, 60, pedagoga, a escola deixou de ser um local de proteção ao aluno para dar lugar à agressão. “O aumento da violência dá-se pelo acerto de contas, por brigas iniciadas nos bairros onde os alunos moram”, afirma. Para Ruth, a desigualdade social fomenta os atos violentos entre jovens. “Além da pobreza, a inferioridade a que são submetidos é a geradora de personalidades desvirtuadas do objetivo principal que seria aprender”, explica.

Carla (à esquerda) confessa
que sofreu e agrediu estudantes
 (Arquivo Pessoal)
A violência escolar ocasiona transtornos na vida de um estudante. Carla Mele, 25, tatuadora, diz que sofreu e praticou atos violentos com seus colegas de classe. “Eu era perseguida por ter gostos diferentes, era ofendida com palavras de baixo calão e erroneamente fiz o mesmo para me defender. Senti vontade de cometer suicídio”, revela. A violência, sendo física ou psicológica, agride a autoestima da vítima. Edenizia Bernardi, 32, psicóloga, afirma que a vítima sente medo de revelar o que sofre. “O jovem normalmente recusa ir à escola, inventa desculpas. Há também tristeza e desmotivação”, diz.


O tema não atinge apenas os alunos. Carla Felix, 29, coordenadora de ensino, já foi submetida a situações de violência moral. Quanto às escolas apenas pautarem a educação, Carla mostra-se desacreditada. “A criação de valores não é dever da escola. A educação será prioridade quando as famílias se conscientizarem de sua responsabilidade”, afirma.
Ler Mais

Crédito é ampliado ao pequeno empresário pelo SEBRAE


SEBRAE amplia crédito a pequenas empresas
(Banco de Imagens)
No Estado de São Paulo, os pequenos empresários terão maior acesso ao crédito por meio de uma nova parceria entre o SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) e a Agência de Fomento Paulista. Esse crédito é ampliado dentro do FAMPE (Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas). O novo serviço está disponível a todos que tenham um faturamento anual entre R$ 360 mil e R$ 3,6 milhões e que também se enquadrem no Simples Nacional.

Maiores Informações:
Para conhecer mais sobre o novo serviço e simular o empréstimo, acesse o site da instituição em www.agenciadefomentopaulista.com.br.

Fontes: Infomoney, G1, Estadão.
Ler Mais

Piso salarial para professores têm reajuste


O aumento é para professores do nível
médio com  (Alessandra Freires)
O Ministério de Educação e Cultura (MEC) divulgou, em 27 de fevereiro, que novo piso salarial dos professores de nível médio é de R$ 1.451,00, com reajuste de 22,22% em relação a 2011. A correção é retroativa para 1º de janeiro deste ano e se baseia no aumento do valor mínimo por aluno, do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (FUNDEB). Estados e municípios argumentaram não ter recursos para este valor. Nesses casos poderão acessar meios federais, caso comprovem falta de verbas para este fim.

Fontes: UOL, G1, Portal MEC.
Ler Mais

Brasil ameaça romper acordo automotivo com o México


Brasil não irá ceder caso o governo
mexicano não reveja o acordo
(Banco de Imagens)
O governo brasileiro ameaça suspender o acordo de importação automotiva com o México. Em 2011 a balança comercial brasileira perdeu cerca de U$ 1,7 bilhão na importação de veículos. O Brasil solicita revisão do acordo firmado com o governo mexicano e, entre as exigências, estão a inclusão de veículos pesados e a criação de cotas para importação de veículos vindos do país. As negociações prosseguem tensas e, caso o México não aceite a proposta brasileira, o acordo que dura 10 anos será encerrado.




 Fontes: Reuters, Revista Auto Esporte, G1, UOL.


Ler Mais

Consumo de remédio para emagrecer no Brasil é o maior da América Latina


A insatisfação dos brasileiros
está acima da média mundial
 (Banco de Imagens)
Em pesquisa sobre o uso de remédios para emagrecer, elaborada pela empresa especializada Nielsen Holding, os brasileiros aparecem como os que mais recorrem aos remédios para perder peso. O estudo mostra que 12% da população busca perder peso pelo uso de emagrecedores, ficando abaixo dessa média todos os outros países da América Latina. O estudo revela ainda que os colombianos são os mais satisfeitos com o peso e que os brasileiros são também os mais críticos à forma de sua silhueta.




Fontes: Estadão, BBC, R7.

Ler Mais

Proibição de carne para os atletas Chineses

Substância utilizada na carne causa
alteração nos exames antidoping
(Banco de Imagens)
A Administração Geral de Esportes da China proibiu os atletas que irão participar dos Jogos Olímpicos de Londres de comerem carne. Frequentemente, os chineses usam em seu gado uma substância dopante aos humanos, o clumbuterol. Devido ao seu efeito anabolizante, a substância usada nas carnes poderia prejudicar os atletas nos exames antidoping, como aconteceu com a campeã olímpica Wen Tong em 2010, deixando-a afastada por dois anos após constatarem clumbuterol nos exames.



Fontes: Folha, Estadão.
Ler Mais

Atletas amadores estão preparados para o inicio dos Jogos da Cidade


Prefeitura de São Paulo lança a décima edição do maior evento de esporte amador da cidade

Por Cristiano Hurtado, Gustavo Oliveira e Joaz Nunes


Os Jogos da Cidade incentivam
a união e o espírito de
equipe (Estefano Perez)
A competição, que tem como principal objetivo a integração entre as regiões e o incentivo à atividade física na cidade de São Paulo, tem início no mês de março. Criada em 2003, chega a sua décima edição com uma grande aceitação entre os atletas amadores e os espectadores de toda a cidade, conseguindo, assim, alcançar um de seus principais objetivos, que é a saúde através da atividade física. Robson Miranda, 28, que irá participar da competição pela terceira vez consecutiva defende essa idéia. ”Jogar futebol, além de ser uma diversão para mim, é uma forma de manter a saúde em dia, pois, na correria da semana, com trabalho e família não sobra muito tempo para atividade física”.

Segundo Sônia Araujo, supervisora de esportes da Subprefeitura de Ermelino Matarazzo, a cada ano a participação aumenta. “Somente na Subprefeitura de Ermelino Matarazzo, em 2011, participaram 17 equipes de futsal, 21 equipes de futebol de campo, três de voleibol masculino, e uma de voleibol feminino, além dos atletas inscritos para os festivais de xadrez, bocha e vôlei de areia, totalizando aproximadamente 700 atletas. Isto gera trabalho e renda para o comércio local, traz novos investidores na área esportiva, além de exigir investimentos em manutenção e conservação dos equipamentos públicos.”

Wanderlei Batista ressalta
a organização do evento
(Estefano Perez)
A integração entre as diversas regiões da cidade é o ponto crucial no projeto, lembrado por Wanderlei Batista, 34, que é presidente da Associação Desportiva Só os Fortes de Vila Nova Curuçá, Zona Leste. “A comunidade inteira se une para nos ajudar e ver os jogos, além de podermos conhecer outras comunidades e até mesmo rever amigos quando jogamos em outros campos ou temos outro time vindo jogar aqui”. A organização da competição, que é realizada pela Prefeitura Municipal com auxílio direto das Subprefeituras, também foi lembrada por Batista, que diz ter ficado surpreso na primeira vez que participou da competição. “Para os padrões do futebol de várzea, é muito bem organizado. Em 2010, quando participamos pela primeira vez, chegamos à final regional sem nenhuma confusão, o que é muito difícil quando falamos de um campeonato no qual não estamos pagando nada”.

Ler Mais

Fifa deixa para julho decisão sobre o uso dos véus e dispositivos


 Todos aguardam decisão sobre véu
 e tecnologia avançada
 (Banco de Imagens)
A Fifa decidirá em 2 de julho, na Ucrânia, se as mulheres islâmicas poderão usar véus para jogarem e sobre a tecnologia da linha do gol, em que dois dispositivos, o Hawk-Eye e GoalRef, vão ser testados outra vez, no meio do ano. Foram rejeitadas as propostas de substituições extras na prorrogação da Copa do Mundo e da limitação da rigidez na punição tripla em chances de gol, caso em que é marcada uma penalidade máxima contra o time do agressor e sucessivamente ele seria expulso.

Fontes: Folha, Globo Esporte.
Ler Mais

Gravidez não foi planejada por 45% das mulheres brasileiras

Pesquisa aconteceu em 191
 municípios (Banco de Imagens)
Inquérito sobre parto e nascimento, que teve início em fevereiro de 2010, indicou que 45% das gestantes brasileiras não planejaram sua gravidez. Em pesquisa realizada em diferentes estabelecimentos de saúde, o objetivo era conhecer as principais complicações maternas e de recém-nascidos registrados no país, por meio de interrupção de gravidez, assistência pré-natal e acompanhamento do parto. A pesquisa ainda relata que as regiões norte e nordeste são as campeãs na tentativa de aborto.


Fontes: Estadão, Folha, Veja.
Ler Mais

INEP muda critérios para correção de redações do Enem


Ainda nao foi definida
data para novos
 critérios de avaliação
(Banco de Imagens)
O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão que cuida do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), discute internamente mudanças na correção das redações. As propostas ainda estão sendo analisadas, mas uma das possibilidades é, no caso de discrepância das notas do primeiro e do segundo corretor, a redação ser levada a uma banca com três especialistas. O objetivo da mudança de critérios é garantir mais objetividade e segurança aos alunos.






Fontes: Estadão, R7, DGABC.
Ler Mais

Camelôs são proibidos de trabalhar mesmo com permissões em dia


Mesmo com permissões,
camelôs são proibidos de
trabalhar (Banco de Imagens)
Protestos e brigas seguem constantes entre comerciantes ambulantes e policiais na cidade de São Paulo. Segundo a Lei Municipal 11.039/91, artigo 29, é proibido o comércio de ambulante em frente ao acesso de edifícios e repartições públicas. Acima de tudo, essa lei é uma forma de coibir a venda de produtos pirateados. Porém, alguns afirmam estar com seus Termos de Permissão de Uso (TPU) em dia e se defendem alegando que trabalham nas ruas de São Miguel há mais de 30 anos.


Fontes: Portal São Miguel Paulista, Spresso SP, Portal Itaim Paulista.
Ler Mais

Instituto de Geriatria de São Miguel incentiva o bem-estar dos idosos



Antigo Centro de Referência do Idoso oferece atendimento médico e atividades educativas e culturais

Por Lucilene Oliveira, Suellen Grangeiro, Tamiris Gomes

A juventude é dádiva da natureza,
envelhecer é obra de arte
(Banco de Imagens)
Com a missão de atender às pessoas idosas de forma humanizada, o Instituto Paulista de Geriatria e Gerontologia José Ermírio de Moraes (IPGG) conta com diversos serviços e especialidades médicas. Filomena Neves Pereira Vieira, educadora de saúde pública e diretora de serviços de saúde, responsável pelo Núcleo de Educação e Saúde (NES), explica que, para o atendimento assistencial, é necessário encaminhamento da Unidade Básica de Saúde do paciente (UBS) e ser morador da região. Com uma média mensal de 7 a 8 mil atendimentos, Filomena afirma que o idoso não passa na especialidade e vai embora, que há um acompanhamento periódico.

“Todos os serviços de saúde pública têm dificuldade de fixar profissional médico, o salário do Estado não é gratificante, mesmo com vários atrativos, falta incentivo, capacitação”, conta a diretora. A aposentada Maria Patrício, 84, reclama da grande rotatividade dos médicos. “Eu passava em muitos médicos aqui e os que eu passava eram muito bons, um melhor do que o outro. Mas eles saem logo, não demora muito”, afirma. O instituto serve ainda como campus-estágio aos alunos de geriatria da USP Leste.

Projeto Intergeracional estimula
convivência entre gerações
 (Banco de Imagens)
Além de assistência médica ambulatorial, o IPGG realiza atividades de convivência, com um espaço destinado à integração social do idoso. São desenvolvidas atividades recreativas, culturais, oficinas de memória e o famoso baile que ocorre todas as sextas-feiras, das 15h às 19h. “Damos valor ao trabalho de convivência, porque o que a gente preserva no idoso é a sua autonomia de escolha e promover que ele tenha um envelhecimento saudável com a manutenção de suas atividades”, diz Filomena.

Maria, que frequenta as atividades recreativas há três anos, narra feliz seus aprendizados. “Já fiz bastante coisa, eu gosto muito daqui. Ajuda demais a distrair, eu faço bijuteria, já aprendi a fazer tricô, o que eu não sabia. A gente ri muito com as brincadeiras”.

Taís Ladeia, diretora técnica do Núcleo de Eventos, há seis anos trabalha no IPGG e relata que observa vários idosos com índices de depressão, que acabam interagindo com outros idosos e resgatando a autoestima. “É interessante fazer o cronograma dos eventos e promover o bem-estar físico, psíquico e social dos idosos, fazendo uma inserção social deles, porque a nossa cultura geralmente não valoriza o idoso. 
Quem é jovem geralmente não pensa que vai chegar à maior idade. Mas a previsão é que em 2050 um terço da população seja idosa, o importante é que seja um envelhecimento saudável”, afirma Taís.
Ler Mais

Lei Geral da Copa é aprovada pela Comissão da Câmara


Cerveja nos estádios causa polêmica
e discussão entre autoridades
(Banco de Imagens)
O texto-base de lei para a Copa de 2014 foi aprovado pela Comissão Especial da Câmara. A polêmica gira em torno do comércio de álcool durante os jogos, que é proibido nacionalmente mas será liberado durante o campeonato mundial, por pressão da Fifa, que tem como patrocinadora uma cervejaria. Entre os assuntos, também foi  discutida a quantidade de ingressos que serão vendidos a preços populares.  O projeto seguirá para o Plenário, Senado e, por fim, dependerá da sanção presidencial para vigorar.
  
Fontes: R7, Exame, Estadão, Reuters, Folha.

Ler Mais

Páscoa 2012: mais de 20 mil vagas de empregos temporários


Com a Páscoa, o número de
vagas para empregos temporários
sobe (Banco de Imagens)
A Páscoa é, sem dúvida, a época preferida de qualquer chocólatra. Junto com os chocolates e bombons, as fábricas trazem oportunidades de empregos temporários.  Segundo pesquisa divulgada pela (Asserttem) Associação Brasileira das Empresas de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário, esse ano a Páscoa representará mais de 71,5 mil empregos temporários em todo o país. O profissional temporário deve ter uma jornada de oito horas diárias e 44 horas por semana, inclui também vale transporte e FGTS. O sudeste segue na liderança de contratações temporárias, com destaque para São Paulo, com o total de 21.357 vagas.

Fontes:  G1, CBN, Portal EM.
Ler Mais

Réquiem – Exposição Fúnebre em Sampa


 Mostra reúne os trabalhos
da fotógrafa Gordana Manic
(Banco de Imagens)
O Museu da Imagem e do Som (MIS) inaugura a mostra de arte Réquiem, da jovem fotógrafa sérvia Gordana Manic, através do projeto Nova Fotografia. A artista sérvia é radicada em São Paulo desde 1999. Ela expõe imagens que beiram a fantasmagórico, descrevendo suas lembranças dos conflitos vividos em seu país. Como que embalados por um Réquiem, uma música fúnebre, esses personagens flagrados na noite por Gordana Manic realizam uma espécie de dança ora sensual, ora macabra.




Serviço:

Réquiem: de 8/3 a 22/4, ter. a sex., das 12h às 21h; sáb. dom. e feriados, das 11h às 21h.  MIS - Museu da Imagem e do Som: Avenida Europa, 158 – Jardim Europa. Entrada franca. Estacionamento: R$ 8

Fontes: Época, Catraca Livre, Portal de Cultura do Estado de SP.
Ler Mais

Disciplina de Ciências será inclusa na Prova Brasil


Ciência entrará nos critérios de
avaliação da  Prova Brasil
(Banco de Imagens)
A Prova Brasil, aplicada a cada dois anos para os alunos de 5º e 9º anos do ensino fundamental, passará a ter a disciplina de ciências nas suas avaliações. A inclusão de ciências na Prova Brasil visa aproximar-se do modelo internacional, onde já são avaliadas as competências de Português, Matemática e Ciências. O exame é um dos parâmetros para avaliação da educação brasileira.




Fontes: UOL, Estadão, Terra, IG.
Ler Mais

Estudar outro idioma muito cedo atrapalha desempenho



Jovens, crianças e até mesmo bebês que mal sabem falar o próprio idioma já iniciam o aprendizado de outra língua

 Por Estefano Perez, Gustavo Oliveira e Joaz Nunes

Parece não haver dúvida de que existe uma idade crítica a partir da qual o aprendizado começa a ficar mais difícil. Segundo estudos pedagógicos, este período parece situar-se entre os 12 e os 14 anos, podendo, entretanto, variar muito conforme a pessoa e, principalmente, as características do ambiente linguístico em que o aprendizado ocorre. Uma tendência que surge para evitar o aprendizado de outra língua no período da puberdade é o início do aprendizado do segundo idioma atrelado ao aprendizado da língua mãe.

A infância é a melhor época para o
aprendizado de uma nova língua
(Gustavo Oliveira)
Pais e mães brasileiros estão colocando cada vez mais cedo seus filhos em cursos de idiomas, ou em escolas convencionais especializadas nessa didática, porém, será que as crianças estão preparadas para absorver essa nova língua tão cedo? Para Artur Alves de Brito, professor da Universidade Cidade de São Paulo (Unicid), não é bem assim. "O ensino da língua deve acontecer depois que a criança já está completamente alfabetizada e familiarizada com sua língua materna, por volta dos 7 ou 8 anos, pois o aprendizado simultâneo de duas línguas diferentes pode deixá-la confusa", afirma.

Gabriel Moraes tem hoje o
inglês como companheiro
de trabalho
(Gustavo Oliveira)
O estudante de Engenharia Civil, Gabriel Moraes, 19, foi efetivamente alfabetizado na língua inglesa a partir de seus 9 anos e conta que, no começo, se sentia obrigado pelos pais nesse processo. “Quando eu comecei a ir ao curso, ia mais por causa dos meus pais. Eles falavam que era bom para o meu futuro. Depois de um tempo, eu acabei acostumando e até gostando de aprender outra língua”. Hoje ele usa o idioma para estagiar em sua área e diz que não se arrepende de ter começado a aprendê-lo quando ainda era criança. "Sempre havia pessoas mais velhas na minha sala, elas tinham muito mais dificuldade que eu. Quanto mais nova a pessoa é, mais fácil é aprender outra língua".

Brito lembra que existem estudos que mostram que pessoas alfabetizadas em dois idiomas têm dificuldades para escrever corretamente. O motivo seria o fato de o cérebro ter armazenado ambas as linguagens numa mesma região, o que não aconteceria se uma das línguas tivesse sido aprendida primeiro. O especialista também aponta que muitas vezes a criança entra em um curso de idiomas por vaidade dos pais. “Os pais forçam crianças de 3 ou 4 anos a aprenderem outra língua só para exibir o fato para os amigos ou parentes. Eles não sabem o mal que fazem à criança ao fazerem isso. Ela pode nunca aprender a língua por se sentir pressionada”, afirma.

Raissa Hitomi Nobre Doi, 20, universitária, começou a estudar outro idioma na adolescência por acreditar ser necessário aprender inglês em uma época em que ele é universal. Assim como Brito, Raissa defende que foi melhor iniciar outro idioma depois de já ser alfabetizada na sua língua materna. “Acho que, se você começa a aprender desde criança, com uns 7 anos, esse aprendizado é meio imposto, porque a criança passa muito tempo em contato com essa língua, isso pode confundir”.

O poder aquisitivo do brasileiro está cada vez mais alto, e isso faz com que as famílias deem mais atenção e invistam mais na educação das crianças, porém, é importante que os pais analisem bem e esperem o momento certo para ingressar uma nova língua na vida dos pequenos, e nunca pressionar. Ela só terá vantagens em aprender outra língua nessa fase da vida se fizer isso naturalmente.

Ler Mais

Coletor de lixo em São Paulo será antifurto


Medida tem como objetivo
diminuir o furto de lixo
reciclável (Banco de Imagens)
Containers em São Paulo eram alvos de furtos de materiais recicláveis, principalmente por catadores, que se antecipavam aos caminhões das cooperativas e retiravam material de maior valor.   Os novos coletores antifurto para materiais recicláveis serão disponibilizados por uma empresa de Sorocaba. O contêiner é pesado e mede quase um metro. Dos 1.500 equipamentos contratados e homologados pela Prefeitura paulistana, 200 já foram entregues e o restante estará na capital até o final de abril.


Fontes: R7, Estadão, Yahoo Notícias.
Ler Mais

Bebês prematuros correm risco maior de terem problemas de saúde


Quanto mais cedo o bebê nasce,
maior é o risco de doenças
(Banco de Imagens)
Pesquisa publicada na revista British Medical Journal, indica que bebês prematuros são mais frágeis, correndo risco maior de saúde. O estudo, realizado com 14 mil crianças nascidas há dez anos até atingirem 5 anos de idade, analisou as condições de saúde, dentre internações hospitalares e doenças, revelando que os nascidos antes de 39 semanas são propensos a doenças como asma até os 5 anos de idade. Por isso, exames regulares são fundamentais no acompanhamento destes bebês prematuros.



Fontes: G1, BBC, Estadão.
Ler Mais

Renovação de exame médico em academias de ginástica já é obrigatória


 Menores de idade só podem
treinar com autorização dos pais
(Banco de Imagens) 
Academias de ginástica da cidade de São Paulo terão que exigir renovação do exame médico de seus alunos a cada seis meses. A lei sancionada pelo prefeito Gilberto Kassab está valendo desde o dia 14 de fevereiro deste ano e atualiza a lei de 1993, apresentada pelo vereador Éder Jofre. Essa nova versão da lei exige que, além da renovação, haja também a autorização dos pais de menores de idade que desejam treinar. O usuário também poderá escolher o médico de sua preferência para realizar a avaliação.




Fontes: Folha, UOL.
Ler Mais

Bicicletários do Metrô são alternativa de esporte na cidade


Sistema de aluguel de bicicletas funciona de segunda a domingo, e a primeira hora é grátis


Por Aline Romero, Daniela Gomes e Mariana Anastácio

Desde 2007, o Metrô de São Paulo oferece aos usuários a oportunidade de praticar um esporte mesmo com uma rotina agitada. Os bicicletários, serviço de empréstimo de bicicletas, estão presentes em todas as linhas da rede e, para utilizá-los, é preciso somente se cadastrar no sistema. A primeira hora é gratuita e as adicionais custam R$2,00 cada.
Bicicletas da estação
Corinthians-Itaquera,
onde a devolução é mais comum
que o aluguel (Aline Romero)

Segundo o Instituto Parada Vital, órgão que administra os bicicletários, além da bicicleta o frequentador retira também capacete e cadeado, podendo devolver todos os itens em qualquer bicicletário do sistema. Isso permite, por exemplo, que o usuário retire uma bike na estação Anhangabaú e devolva na estação Artur Alvim. É uma alternativa para quem quer voltar do trabalho de maneira saudável e sustentável, além de fugir do trânsito e do transporte público.

É o que faz Marcos Roberto Souza, 46, que utiliza os bicicletários diariamente. Souza, que trabalha na Mooca, todos os dias aluga uma bicicleta na estação Carrão e pedala até a estação Corinthians-Itaquera, ambas da Linha 3 - Vermelha. “Eu precisava sair do sedentarismo, e voltar para casa de bicicleta foi uma atividade que serviu bem”, conta.  

Bicicletário do Anhangabaú,
um dos mais movimentados
da cidade (Aline Romero)
De acordo com o site da Associação de Ciclistas Urbanos de São Paulo, a bicicleta amplia as possibilidades de mobilidade urbana e melhora a qualidade de vida dos cidadãos. A associação mantém em seu site (www.ciclocidade.org.br) dicas e orientações para ciclistas, que vão desde notícias até as leis que regulamentam a bicicleta no trânsito. 

Para se cadastrar no sistema dos bicicletários, é preciso ter mais de 14 anos e ir até uma das unidades espalhadas pela cidade. Com RG, CPF, cartão de crédito e comprovante de endereço, o cadastro fica pronto no mesmo dia.

Serviço

Maiores informações sobre o cadastro, horário de funcionamento e a listagem com o endereço dos bicicletários no site: http://paradavital.org.br
Ler Mais

Entra em vigor acordo cultural entre Brasil e Alemanha


 Experiências de intercâmbio
aumentam as chances de
inserção no mercado
(Banco de Imagens) 
Brasil e Alemanha assinaram acordo que permitirá intercâmbio de técnicos em programas culturais. Segundo o Diário Oficial, o acordo foi aprovado em 2008, porém, só foi vigorado recentemente. A parceria envolverá universidades e instituições culturais que poderão promover intercâmbios e aperfeiçoamento de profissionais entre os dois países. Para selar o acordo, a Presidente Dilma compareceu a Cebit - Feira de Tecnologia e Inovação Digital de Hannover, acompanhada pela chanceler alemã Angela Merkel.





Fontes: Portal Terra, G1, Correio Braziliense.


Ler Mais
 
RADAR JORNALÍSTICO | by TNB ©2011